Top30 Os melhores sites da Internet

 

Página Inicial > Diversas > Racismo: Está Além da Cor da Pele.

Tópicos recentes

Racismo: Está Além da Cor da Pele.

racismo2Racismo é algo que afeta a população mundial de forma geral sem distinção de lugar, desde muito tempo ouvimos a respeito a sua existência. E quando pensamos que em pleno século XXI as coisas possam melhorar aí é que nos enganamos.

A falta de respeito, insultos contra pessoas semelhantes ao próprio umbigo, mesma estrutura (Corpo, Alma e Espírito), diferenciado apenas pela sua característica física, são constantes em nossa sociedade. O racismo está em toda parte, até hoje palestinos contra judeus, Irã contra Israel, brancos contra índios e vice-versa. A discriminação por cor aparece na fala das pessoas, são piadinhas, frases infelizes, vícios de linguagens como palavras de duplo sentido.

O racismo está muito além da cor da pele. O indivíduo sente a necessidade de colocar suas frustrações nas costas de alguém, a culpa sempre é do outro, do “diferente” de nós. O racismo é sinônimo do incompreensível.

Um episódio que vem sendo repercutido, e que superou barreiras, sendo falado em vários jornais do mundo foi o acontecimento recente no futebol brasileiro. Casos de racismos no futebol infelizmente não são novidades. Ontem (24/06/2009) o argentino Maxi Lopes, do Grêmio foi denunciado por Elicarlos do Cruzeiro, por tê-lo ofendido com palavras de conteúdo racista.

O presidente dos Estados Unidos não venceu as eleições porque é negro, e sim porque é inteligente, culto, descente, moderno, capaz. E como o ser humano é falho, quando Obamapreconceito vier a errar, já que Bush deixou muito pepino em suas mãos, provavelmente ouviremos comentários comparados a sua cor.

É como já dizia Albert Einstein “no mundo em que vivemos é mais fácil destruir um átomo do que um preconceito”.

Nenhum indivíduo nasce odiando outra pessoa devido à cor de sua pele, religião ou sua origem. Para odiar, precisa nascer o sentimento de raiva contra a pessoa e, se pode nascer esse sentimento de ódio, porque então não nascer o sentimento do amor, aprender a amar? E você, onde guarda o seu racismo? Precisamos amar nosso semelhante como a nós mesmo, tratá-los como gostaríamos que fôssemos tratados.

Deixo uma reflexão de Martin Luther King: “Eu tenho um sonho de que um dia meus quatro filhos vivam em uma nação onde não sejam julgados pela cor de sua pele, mas pelo seu caráter”.

 
 

Tags: Tags: ,

  1. mercia moura
    18, agosto, 2013 em 14:22 | #1
    Não aceitar homossexuais é racismo, e o que não falta é gente racista nesse mundo.
  2. Dias
    16, junho, 2012 em 22:45 | #2
    Sou ateu e, principalmente por isso, não tenho nenhum tipo preconceito. Nem religioso, nem racial. Mas ainda assim não consigo parar de pensar em como é que as pessoas conseguem regir suas vidas baseadas em um livro que prega pedofilia, racismo (e o usam para justificar a ausência de racismo), preconceito contra homossexuais e etc! Desculpem o desabafo…
  3. Robson Farias
    8, junho, 2012 em 11:00 | #3
    O racismo é burrice! E tão burro quanto o racista é aquele ki pensa ki o racismo não existe!!
Página de comentários
1 2 562
  1. Nenhum trackback ainda.



Este website foi projetado para ser completamente acessível e usável, trabalhando em conformidade com as Diretrizes de Acessibilidade para Conteúdo Web (WCAG v1.0).

Se houver qualquer coisa (ocorrência) neste site relacionado a acessibilidade ou a validação que não estiver de acordo com os padrões, por favor entre em contato.