Top30 Os melhores sites da Internet

 
Página Inicial > Saúde > Interposição Ileal: Cirurgia que Reduz a Obesidade e o Diabetes é Proibida Pela Justiça Federal.

Tópicos recentes

Interposição Ileal: Cirurgia que Reduz a Obesidade e o Diabetes é Proibida Pela Justiça Federal.

reducao de estomagoA interposição ileal é uma cirurgia que promete reduzir a obesidade e atua no combate o diabetes, na qual foi desenvolvida pelo médico Áureo Ludovico de Paula. Porém, apesar de ser uma técnica que aparentemente seja benéfica foi proibida pela Justiça Federal por ser considerada experimental e que precisa ser submetida ao Conselho Federal de Medicina (CFM) e ao Comitê Nacional de Ética em Pesquisa (Conep).

Mesmo que a cirurgia seja ainda considerada um experimento, a gastrectomia vertical ou interposição ileal ou ainda freio neuroendócrino (nome da cirurgia) já foi realizada em mais de 700 pacientes, em um período de cinco anos. Cirurgias estas que foram feitas não apenas pelo médico De Paula como também por outros médicos brasileiros. Dentre os pacientes que se submeteram a interposição ilegal, está o apresentador Fausto Silva.

De acordo com o médico, a cirurgia é feita da seguinte forma: Durante a cirurgia, o médico extrai uma pequena parte do estômago e do íleo (parte do intestino delgado). Essa parte retirada é colocada entre o jejuno e o duodeno (parte superior do intestino). Feita essa modificação, o alimento chega menos digerido ao íleo, passando então a produzir mais hormônios. Dessa forma, estimulando a produção de insulina que é indispensável para reduzir o diabetes. Mesmo a interposição ilegal ter esse caráter redutivo do diabetes, o médico afirma que ela também é usada contra a obesidade. Pois em pacientes com excesso de peso é feito também o grampeamento do estomago para reduzir o volume do órgão.

Interposição IlealApós a cirurgia registram mostram que sete pacientes já morreram após se submeterem as operações. O médico está proibido de realizar sua técnica até que a situação esteja regularizada no Conselho Federal de Medicina (CFM). Mas a decisão possui caráter liminar e o médico deseja recorrer à sentença. Portanto, a Justiça Federal concluiu que a cirurgia interposição ileal é experimental, sendo realizada sem registro nos órgãos de pesquisa.

O médico Áureo Ludovico de Paula defende a tese de que o procedimento já existe na literatura médica e que está sendo feito apenas uma aplicação diferente e, portanto não seria um procedimento experimental. Sendo assim, ele não precisaria submetê-la ao Conep e solicitar um protocolo de pesquisa com seres humanos, disse o médico em entrevista.

 
 

Tags: Tags: , , , , , , ,

  1. maria regina da anunciação silva
    11, maio, 2012 em 08:46 | #1
    gostaria de obter informações sobre á retirada de, parte do íleo em rescenascido por consequencia de invaginação
  2. Fernando Miranda
    28, abril, 2012 em 05:21 | #2
    se alguém conhece um médico que aceita plano de saúde , informa por favor . Grato !!!!!fernandomiranda2010@gmail.com
  3. sandra helena barroso
    19, maio, 2011 em 12:29 | #3
    A Justiça deveria incentivar a pesquisa para salvar tantas pessoas que sofrem principalmente com a diabetes e obsidade, e ao invés disso inibe as pesquisas, então eu me pergunto será que existe outra razão para essa proibição descabida? com certeza se forem feitas pesquisas entre as pessoas que sofrem desses males elas iriam preferir correr esse risco do que viverem infelizes com tantos problemas, muitas vezes prostados em cima de uma cama.Tenho certeza que o número de pessoas beneficiadas é muito maior do que as que não se dão bem.
  4. antero
    1, abril, 2011 em 21:23 | #4
    gostaria de saber meios de comunicação para fazer esta cirurgia pois tenho o mesmo problema de diabetes e pressão alta e sou obeso. grato
  5. 20, fevereiro, 2011 em 20:55 | #5
    Li todas as reportagens sobre o procedimento cirurgico de Ileo, mas nenhuma trouxe o custo do mesmo, e se aceitam convenios. Se alguem souber por favro mande um email. fatimacastroloura@hotmail.com. Obrigada.
  6. manoel carlos
    25, outubro, 2010 em 11:09 | #6
    Enquanto essas burocracias idiotas e irracionais pessoas ficam com seus tratamentos cirúrgicos atrasados até que a justiça ( na verdade no Brasil deveria se chamar injustiça) resolva isso. LAmentável
  1. Nenhum trackback ainda.

Faça a busca por notícias

 


Este website foi projetado para ser completamente acessível e usável, trabalhando em conformidade com as Diretrizes de Acessibilidade para Conteúdo Web (WCAG v1.0).

Se houver qualquer coisa (ocorrência) neste site relacionado a acessibilidade ou a validação que não estiver de acordo com os padrões, por favor entre em contato.